single-post

Tiroteio deixa 3 mortos em torneio de videogames na Flórida

81 dias atrás - Em: 26/08/2018 09:51


 A polícia de Jacksonville, na Flórida, Estados Unidos, informou que 3 pessoas morreram, incluindo o atirador, após tiros disparados em um importante centro comercial da cidade neste domingo (26).

Primeiramente, a mídia local publicou que 4 pessoas haviam morrido no local, informação que foi contestada pela polícia. O suspeito foi identificado como David Katz, de 24 anos, de Baltimore, no estado de Maryland, e estava na Flórida para o torneio do game "Madden NFL 19".

Um torneio de Madden 19 em Jacksonville, na Flórida, nos Estados Unidos, foi palco de um ataque a tiros neste domingo (26). Segundo informações da NBC News, três pessoas morreram, incluindo o atirador, e pelo menos 11 foram feridas.

Em coletiva imprensa, a polícia local descreveu o atirador como um homem branco, de 24 anos, natural da cidade de Baltimore, Maryland. Com base nestas informações, o canal Fox News, dos EUA, chegou ao nome de David Katz como possível identidade do suspeito. Katz chegou a competir em torneios de Madden no passado.

O ataque aconteceu durante um jogo entre os gamers Joe Rice e Eli Clayton. Nas imagens, é possível ver um ponto vermelho sobre Clayton - segundo o site Polygon.com - aparentemente uma mira a laser. Na sequência, ouvem-se os tiros e a transmissão é encerrada.

Autoridades policiais de Jacksonville confirmaram no Twitter que um dos suspeitos pelos tiros foi morto no local. A Swat, força tática policial do EUA, foi escalada para realizar buscas na cidade em busca de suspeitos.

O site do jornal Los Angeles Times afirma que, segundo fontes na cena do atentado, o atirador era um competidor derrotado no evento de Jacksonville. Após os tiros, de acordo com a publicação, ele se suicidou.

Os disparos aconteceram durante um evento qualificatório de uma competição do game de futebol americano. A competição acontecia em um game bar chamado GLHF, localizado em uma área comercial conhecida como Jacksonville Landing. No Facebook, o estabelecimento anunciou que todos os funcionários estão bem.

Um dos participantes do torneio, de acordo com a CNN, era Drini Gjkoa. O gamer do torneio feriu uma das mãos na cena dos ataques, mas conseguiu escapar para um local seguro.

Em sua conta no Twitter, Drini se manifestou brevemente sobre o caso. "Eu literalmente tive muita sorte. A bala acertou meu dedão", relatou.

Várias pessoas foram encaminhadas para o hospital, informaram ainda os policiais locais. Poucos detalhes estão disponíveis por enquanto.

Agência Reuters